Central Banking Digital Currencies (CBDC), o que são?

 Central Banking Digital Currencies (CBDC), o que são? E qual a posição atual do G7? CBDC significa central bank digital currency ou moeda digital do banco central”, são criptomoedas emitidas pelos bancos centrais dos países, com a força legal e económica das moedas fiduciárias.

O Grupo G7 (sete países mais desenvolvidos do mundo, constituído por França, Alemanha, Itália, EUA, Japão, Canadá e Grã-Bretanha) está recetivo a propostas do projeto que procura consagrar algum conjunto de normas na criação e desenvolvimento de Moedas Digitais de Bancos Centrais (CBDCs).

De acordo com o Japan Times, o G7 entende que a decisão de desenvolver CBDCs é um assunto soberano, contudo, observa que "ao estabelecer um conjunto comum de princípios, e sublinhando a importância fundamental de valores partilhados tais como transparência, estado de direito e boa governação económica, estes princípios podem orientar e informar a exploração das CBDC no (G7)". O projeto procura interpelar o desenvolvimento de políticas nacionais e regulamentares para as moedas digitais propostas. As normas de responsabilização e privacidade devem também ser fatores importantes que devem ser considerados pelos países que pretendem implementar CBDCs.

Como relatado pela Blockchain.News a 6 de outubro, a presidente do Fundo Monetário Internacional (FMI), Kristalina Georgieva, comunicou recentemente que cerca de 110 países têm o desenvolvimento do CBDC em alguma fase, embora o G7 seja uma fração destes números, eles possuem uma enorme influência que pode fazer a diferença entre os restantes países. O projeto de recomendação procura também promover a interoperabilidade monetária, embora com normas que possam ajudar a evitar fraudes financeiras e os riscos de evasão às sanções.

Os entusiastas de criptomoedas devem assim ver as CBDCs não só como uma alternativa a stablecoins mas também tem em consideração as limitações regulamentares que podem acrescer às criptomoedas existentes.